Entenda o que são NFTs

Os NFTs ganharam espaço na internet após artistas, atletas e celebridades gastarem cifras milionárias para comprar esse tipo de ativo. Entenda o que são NFTs e como adotar essa tendência do mercado de ativos digitais.

Equipe Interop
Entenda o que são NFTs

Para que você comece a entender o que são NFTs é preciso considerar que, depois da revolução do blockchain e do Bitcoin, essa será a nova moeda digital. As NFTs vão trazer grandes mudanças ao modo como fazemos negociações pela internet. Continue lendo para entender.

 

O que são NFTs?

NFT, sigla para Non-fungible Token (Token Não-Fungível), é uma chave eletrônica criptografada única, uma espécie de certificado de propriedade intelectual digital, que garante sua originalidade e autenticidade. Ou seja, é um item exclusivo, único e para o qual não existe nenhum equivalente.

Para entender a diferença entre “fungível” e “não-fungível”, podemos pensar nos seguintes exemplos: uma nota de R$100 pode ser trocada por outra de R$100, pois ambas são equivalentes apesar de serem dois objetos físicos distintos. Este é um exemplo um bem fungível.

Já o quadro Monalisa de DaVinci não é equivalente a nenhuma outra pintura e tem um valor próprio. Não existe nenhum equivalente, apenas cópias. Este é um exemplo de bem infungível, algo único e específico.

Outro exemplo é o quadro Nascimento de Vênus, de Sandro Botticelli. Todos já vimos várias reproduções dessa obra em diversos meios e formatos. Porém, essas são somente cópias sem valor físico ou sentimental. A obra original se encontra na Galleria degli Uffizi em Florença, Itália, e por mais que todas essas cópias tentem se aproximar da pintura original os seus valores comerciais não chegam nem próximo da obra-prima de Botticelli. O valor inestimável da peça é o mesmo conceito artístico que o NFT toma emprestado e traz para o mundo virtual.

Por que NFTs se tornaram tão populares?

Em 2021, a famosa casa de leilões Christie‘s fez o seu primeiro leilão com uma coleção puramente baseada em NFT. “Everyday‘s: The First 5000 Days” do artista digital Beeple foi vendida por US$ 69 milhões. Outro Token Não-Fungível que arrecadou milhões de dólares foi o primeiro tuíte do CEO do Twitter Jack Dorsey. A frase escrita em 2006 apenas configurando meu twttr foi comprada por pouco mais de US$ 2,9 milhões.

Um dos casos mais recentes foi a compra de dois avatares da coleção Bored Ape Yacht Club (BAYC) pelo jogador do PSG Neymar no valor de R$ 6 milhões. Agora, ele se une a um seleto grupo de celebridades, como Jimmy Fallon, Justin Bieber e Eminem, que possuem os exclusivos avatares da marca.

Como negociar um NFT?

Praticamente tudo pode ser um NFT: memes, fotos, obras de arte, músicas, itens de jogos. Caso você queira vender um desses bem digitais precisará criar uma carteira digital compatível com ERC-721 da rede Ethereum.

O blockchain Ethereum é fundamental para a existência do NFT, pois suporta o armazenamento da sua chave criptográfica, registrando em detalhes qualquer compra e venda envolvendo Tokens Não-Fungíveis, impossibilitando a sua falsificação. Ainda é necessário conectar a sua carteira com uma operadora de intermediação, como a OpenSea ou Rarible para transformar o seu artigo em um Token Não-Fungível. 

Já para vender seu NFT, será necessário, ainda, criar um smart contract  (contrato digital inteligente) com regras e obrigações das partes envolvidas. Depois, é só definir valor para o seu item, divulgá-lo nas redes sociais e sites de itens similares e despertar interesse e desejo nos possíveis compradores.

Entenda as NFTs e o mundo dos jogos digitais

Um universo que tem utilizado muito o conceito dos NFTs são os jogos virtuais. Já existem vários games e plataformas que utilizam esse sistema para gerar negociações e premiações. A Konami, desenvolvedora de jogos eletrônicos japonesa, criadora da clássica série Castlevania, leiloou vários NFT com conteúdos da franquia. No game Cryptokitties, um dos mais famosos em blockchain do mundo, os jogadores coletam ou criam seus próprios gatinhos digitais com genomas especiais únicos e podem comercializá-los como NFT. Tudo por conta da sua raridade.

 

NFT ainda é um conceito estranho que está sendo difundido aos poucos, porém daqui a alguns anos os Tokens Não-Fungíveis devem se incorporar ao nosso dia-a-dia. Conforme mais segmentos da indústria e comércio adotem essa tecnologia mais valor será gerado para essas transações de ativos digitais.

Aqui na InterOp, nós estamos sempre atentos a todas as novidades tecnológicas. Entre em contato conosco e fale com nossos especialistas!

Site InterOp

 

Fique atualizado com nosso melhor conteúdo!

    Compartilhe

    Leitores também acessaram: